terça-feira, 24 de novembro de 2009

22 de Novembro!!


Nasce Thiara de Miranda em Barreiras - Bahia.
Parabéns pra mim!

4 comentários:

  1. Porque será que os pássaros
    Cantam na partida do dia
    Porque será que um amante ausente
    Fica de alma apertada, vazia?

    Porque será que as ondas lamentam
    Em sussuros de sal no areal
    Porque será que as rezas são feitas
    Para correr para o longe o perverso mal?


    Boa semana


    Doce beijo

    ResponderExcluir
  2. À volta desta fogueira
    Aquecem os corações, almas penadas
    À volta desta fogueira ninguém foge
    Todos contam lendas de pessoas encantadas

    Todos rezam, todos pedem
    Que desça o céu à terra
    Todos falam de um anjo
    Que travou uma santa guerra

    Manto de água, mundo verde
    Manhãs de sol posto no céu
    Às vezes a luz perde-se na noite
    À vezes um coração veste um negro véu


    Mágico beijo

    ResponderExcluir
  3. Thiara,
    Não obstante a minha implicância com o uso comercial do "espírito natalino", não tenho como escapar da influência que a data exerce sobre o meu emocional que ainda teima em crer que a humanidade não é caso perdido e que podemos construir um mundo mais justo, sem violências e sem preconceitos. Em suma: sou um ingênuo assumido.
    Sendo assim, é inevitável que venha para deixar os meus votos sinceros de que você tenha um feliz natal e que o ano novo não seja apenas uma nova página no calendário, mais um marco de mudança que inaugure uma nova era de paz e felicidades para todos e que possamos realizar todos os nossos melhores sonhos e projetos.
    Felicidades.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Um formoso menino estava mesmo alí
    Tocou de leve o lado esquerdo do meu peito
    Olhou-me com um luminoso sorriso
    Deixou-me sem fala, sem jeito

    Deixou-me no apagar de uma vela
    Olhei novamente o mar
    A calmaria voltou como por encanto
    Mil criaturas inundaram-me o olhar

    Golfinhos felizes assobiaram
    A cria de uma baleia acenou-me
    Uma andorinha do mar poisou no parapeito da janela
    Uma maravilhosa e antiga história sussurou-me

    As estrelas brilharam no celeste
    A Lua estendeu seu manto de fino lusr nesta cena
    Adormeci na imensidão deste mundo
    No embalo de...Uma Noite Serena...


    Uma noite serena

    Um bom final de ano e luminoso 2010

    Um terno beijo

    ResponderExcluir